...
🧑 💻 Tudo o mais interessante do software, automotivo, mundo. Tem tudo o que você precisa saber sobre dispositivos móveis, computadores e muito mais para geeks.

Wink adia assinaturas obrigatórias para casas inteligentes até novo aviso

7

Piscar

Wink, anteriormente um dos maiores players do setor de casas inteligentes, decidiu recentemente mudar para um modelo de assinatura obrigatória. Os usuários tinham uma semana para pagar ou perder o acesso às suas casas inteligentes. Isso se transformou em duas semanas. E agora, devido ao "suporte incrível dos usuários", Wink não está cobrando por assinaturas até novo aviso. Confuso? Você não está sozinho.

Apenas duas semanas atrás, a Wink enviou um aviso aos seus usuários anunciando que decidiu mudar para um modelo de assinatura obrigatória. E os usuários perderiam o acesso a seus gadgets domésticos inteligentes e ao hub Wink sem se inscrever.

Wink deu aos usuários uma semana para se inscrever (ou mudar para um novo sistema). Isso rapidamente se transformou em duas semanas após uma grande reação dos clientes. E agora, a empresa está adiando a cobrança dos usuários até novo aviso. Em um e-mail, a empresa disse:

Queremos começar esta mensagem com um enorme e sincero OBRIGADO a todos que se inscreveram. Wink estava em uma situação muito difícil, mas graças ao seu apoio, podemos seguir em frente! Não foi uma decisão fácil mudar para um serviço pago, e sabemos que o curto prazo colocou muita pressão em todos vocês, mas não tínhamos outra maneira de continuar o serviço Wink como é conhecido atualmente.

O suporte que vimos para nosso serviço de assinatura foi incrível. Acreditamos que podemos estender o serviço gratuito do Wink por enquanto, confiantes de que podemos definir uma nova data de início para o início do serviço de assinatura, dando a você mais tempo para usar o Wink (sem assinatura), independentemente de você se inscrever ou não.

Para os clientes que se inscreveram, queremos garantir que o pagamento do primeiro mês ainda não foi processado e notificaremos os assinantes antes de avançarmos com a assinatura do Wink.

A empresa reiterou a declaração no Twitter também:

Parece que a empresa está dizendo que tantas pessoas concordaram em pagar pelo serviço que o Wink não precisa cobrar de ninguém, mas isso é um pouco confuso. Os usuários do Wink provavelmente podem usar qualquer boa notícia que possam receber, considerando que a empresa também anunciou que seus hubs não funcionariam mais com os abridores de porta de garagem inteligentes Chamberlain.

Continuamos a recomendar a mudança para outro hub, seja para dispositivos com Wi-Fi e um Echo ou Google Home para controlá-los, ou um hub de controle local como Hubitat ou Home Assistant.

Fonte: Wink

Fonte de gravação: www.reviewgeek.com

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação